Bilirrubina total e frações 

Este teste é usado para medir os níveis séricos de bilirrubina, o pigmento predominante na bile. A bilirrubina é o principal produto do catabolismo da hemoglobina. As medições da bilirrubina sérica são especialmente significativas em recém-nascidos, uma vez que a bilirrubina indireta ou não-conjugada elevada pode acumular no cérebro, causando comprometimentos irreparáveis. 

Objetivos

Avaliar as funções hépato-biliares e eritropoiéticas.

Auxiliar no diagnóstico diferencial de icterícia e monitorar o seu progresso.

Auxiliar a diagnosticar obstrução biliar e anemia hemolítica.

    Determinar se um recém-nascido necessita de uma transfusão ou fototerapia em razão dos níveis perigosamente altos de bilirrubina indireta ou não-conjugada. 

Preparo do paciente

Jejum de 4 horas ou, no caso de recém-nascido, antes da próxima mamada. 

Valores de referência

Método: colorimétrico, automatizado.

Adultos:

Total: 0,2 a 1,0 mg/dl.

Direta: 0,1 a 0,4 mg/dl.

Indireta: 0,1 a 0,6 mg/dl.

Recém-nascido prematuro:

0 a 1 dia: 8,0 mg/dl.

1 a 2 dias: 12,0 mg/dl.

3 a 5 dias: 14,0 mg/dl.

Recém-nascido a termo:

0 a 1 dia: 6,0 mg/dl.

1 a 2 dias: 10,0 mg/dl.

3 a 5 dias: 8,0 mg/dl. 

Achados anormais

Níveis elevados de bilirrubina sérica indireta freqüentemente indicam comprometimento hepático. Níveis altos de bilirrubina indireta são, também, prováveis em anemia hemolítica grave. Se a hemólise continuar, tanto os níveis de bilirrubina direta quanto indireta podem se elevar. Outras causas de bilirrubina indireta elevada incluem deficiências enzimáticas congênitas, tais como doença de Gilbert. 

Níveis elevados de bilirrubina sérica direta geralmente indicam obstrução biliar. Se a obstrução continuar, tanto os níveis de bilirrubina direta quanto indireta podem tornar-se elevados. Em comprometimento hepático crônico grave, as concentrações de bilirrubina direta podem retornar a níveis normais ou próximos do normal, porém os níveis elevados de bilirrubina indireta persistem.  

Em recém-nascidos, os níveis de bilirrubina total de 18 mg/dl ou mais indicam a necessidade de uma transfusão para troca de sangue. 

Exames correlatos

Transaminase glutâmico oxalacética (TGO), transaminase glutâmico pirúvica (TGP), gama glutamil transferase (GGT), amilase.